Sérgio Roth Pinto começou a sentir dores de estômago no dia 10 e precisou ser internado uma semana depois. Professor que não tinha outras doenças ficou entubado por três dias. Família e alunos lamentam a perda do educador. Sérgio Roth Pinto, de 40 anos, era orientador educacional e professor de geografia na Escola Municipal de Educação Básica Camilo Alves.
Reprodução
Um professor, de 40 anos, morreu por complicações da Covid, na noite de sábado (27), em Canoas, na Região Metropolitana de Canoas. Sérgio Roth Pinto era orientador educacional e professor de geografia na Escola Municipal de Educação Básica Camilo Alves, em Esteio. Ele estava internado desde o dia 16 no Hospital Nossa Senhora das Graças e faleceu às 22h.
“Acompanhei todo o atendimento e vi todo o esforço dos médicos e vi o desespero dos médicos para salvar a vida dele”, disse a esposa.
“A Educação perde muito, mas fica esse grande legado que o professor Sérgio Roth Pinto deixa neste mundo: ensinar com amor e empatia”, escreveu a direção da escola. Leia nota completa abaixo.
De acordo com o cunhado André Dullius, Sergio começou sentindo dores de estômago e procurou atendimento médico.
“Dia 10 ele começou sentir os sintomas, sentia dor de estômago. Ele fez uma consulta médica e foi detectado infecção intestinal. Não pediram o teste, mas ele foi até uma farmácia e fez o teste do Covid e deu positivo”.
Sergio precisou ficar três dias entubado. O professor não tinha comorbidades e gostava de esportes. Entre os amigos era chamado de Muslera, em homenagem ao goleiro da seleção uruguaia que era fã.
“Gremista de coração. Gostava de jogar uma bolinha, era goleiro do time do bairro, promovia futebol na escola, entre os alunos. Mesmo não sendo professor de educação física, ele acompanha os alunos para estar junto, estar presente”, contou o cunhado.
“Sergio era um cara espetacular, professor e uma pessoa muito inteligente, pai de uma menina de três anos, marido exemplar, parceiro para tudo que precisasse. Ele estava sempre disposto a ajudar e de um bom papo”, disse
Sergio trabalhava com turmas online. Nas redes sociais, alunos, pais e colegas prestaram uma última homenagem ao professor.
“Professor mais incrível do mundo”, escreveu Maria Clara Teixeira.
“Descanse em paz professor Sérgio. Estamos todos de luto junto com a escola Camilo Alves”, disse Caroline Melo.
“Muito triste pela partida prematura de uma pessoa tão especial”, comentou Ivanir Vidal.
O velório acontece na capela 8 do cemitério São Vicente em Canoas. A cerimônia de cremação será às 15h.
RS em bandeira preta: veja o que muda em todas as regiões
Nota da escola Camilo Alves
A Escola Municipal de Educação Básica Camilo Alves em nome de toda a comunidade escolar, lamenta profunda e imensamente o falecimento prematuro do professor Sérgio Roth Pinto, nosso professor de Geografia dos Anos Finais e Orientador Educacional, na noite do dia 27 de fevereiro de 2021, vítima da Covid-19. Deixa esposa e uma filhinha de três anos.
Aos familiares e amigos, os nossos mais profundos sentimentos.
A Educação perde muito, mas fica esse grande legado que o professor Sérgio Roth Pinto deixa neste mundo: ensinar com amor e empatia.
Descanse em paz, professor Sérgio Roth Pinto, nosso muito obrigado!
VÍDEOS: relatos de atendimento de pacientes com Covid no RS