Eventos clandestinos chegavam a reunir 400 pessoas, sem respeitar nenhuma recomendação de prevenção para Covid-19. Pessoas reunidas em ruas da Capital também foram dispersadas pela Guarda Municipal. Guarda Municipal de Porto autuou locais e responsáveis foram encaminhados para delegacia
Guarda Municipal/Divulgação
A madrugada do sábado (30) foi marcada pela dispersão de aglomerações e encerramento de festas clandestinas na Capital e cidades da Região Metropolitana de Porto Alegre.
Em um evento no Bairro São Geraldo, na Zona Norte de Porto Alegre, foram flagradas 400 pessoas. Elas estavam no pátio de uma casa, sem respeitar qualquer protocolo preventivo a Covid-19. A Guarda Municipal autuou e interditou o local. A responsável pela festa foi levada para a delegacia por infringir a determinação do poder público de impedir introdução ou propagação de doença.
No mesmo bairro, a Guarda Municipal também encerrou outra festa irregular que reunia 170 pessoas. Uma banda se apresentava no local.
Cerca de 170 pessoas estavam reunidas em bar no bairro São Geraldo em Porto Alegre
Guarda Municipal/Divulgação
Na Zona Leste de Porto Alegre, no bairro Vila Maria da Conceição, um bar na rua Caldre e Fião recebeu 200 pessoas. O estabelecimento foi fechado e autuado. A quantidade de pessoas no local chegou a deixar a rua interditada.
Grupo de pessoas que estava no Largo dos Açorianos foi dispersada em Porto Alegre
Guarda Municipal/Divulgação
No bairro Cidade Baixa, a Guarda Municipal, com o apoio da Brigada Militar e da EPTC, foram desfeitas aglomerações em pontos como a rua José do Patrocínio e o Largo dos Açorianos, onde diversos grupos contrariavam as orientações de distanciamento social. Mesma situação foi flagrada na rua Padre Chagas, no bairro Moinhos de Vento.
Em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre, a Brigada Militar encerrou uma festa que acontecia na Avenida Boqueirão, no bairro Marechal Rondon. Evento acontecia em um pub, e cerca de 150 pessoas estavam presentes.
Guarda Municipal fiscalizou rua Padre Chagas, no bairro Moinhos de Vento, em Porto Alegre
Guarda Municipal/Divulgação
Na cidade de Eldorado do Sul, também na Região Metropolitana de Porto Alegre, a Brigada Militar interrompeu uma rave com cerca de 350 pessoas em um sítio no bairro Picada. O proprietário da festa e o sócio foram presos por perturbação, posse de drogas, e promover festa sem autorização.
Veja vídeos de notícias do RS