Carolina Feijó não via o casal desde novembro, quando foram para o Litoral Norte se isolar. Ela está no nono semestre de enfermagem e participa de forma voluntária da vacinação em Canoas. Aluna de enfermagem Carolina com os avós Nelson Marques Voigt, de 76 anos, e Claudete Oliveira Voigt, 75
UniRitter/Divulgação
Desde novembro sem se verem, por conta do isolamento social, foi na vacinação contra a Covid-19 que neta e avós puderam se reencontrar em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Estudante de enfermagem do nono ano, coube a Carolina Feijó Bitencourt Voigt aplicar a primeira dose nos idosos Nelson Marques Voigt, de 76 anos, e Claudete Oliveira Voigt, de 75.
Carolina é uma das voluntárias na força-tarefa de vacinação da prefeitura em parceria com a UniRitter. O encontro aconteceu em drive-thru montado no sábado (13).
“Reencontrá-los e ainda ter a honra de vacinar cada um deles foi emocionante. Participei da imunização e ainda matei um pouco da saudade”.
Há quatro meses sem ver a neta, o casal sabia que Carolina estaria no local de vacinação, mas não esperavam ser imunizados por ela.
Carolina vacinando o avó que não via há quatro meses contra a Covid
UniRitter/Divulgação
Para que a neta pudesse ser a responsável pela vacinação, uma prima avisou quando os idosos chegariam.
Vacinação contra Covid no RS: veja perguntas e respostas
Daqui três semanas eles se reencontrarão novamente para a aplicação da segunda dose.
“Depois da imunização completa, quando se sentirem mais seguros, eles poderão voltar para casa e estaremos mais próximos novamente. Só de saber que eles irão estar próximos novamente e protegidos dá um alívio muito grande para toda a família”, pontua Carolina.
VÍDEO
Neta enfermeira aplica vacina contra Covid-19 em avós em Canoas
Claudete Oliveira Voigt recebendo a primeira dose da vacina contra a Covid
UniRitter/Divulgação
Veja mais vídeos do RS