Ele teve 62,84% dos votos dados a todos os candidatos e derrotou Guilherme Schinoff, que ficou em segundo lugar com 18,83%. Garcez, do PP, foi eleito, neste domingo (15), prefeito de Tapes (RS) para os próximos quatro anos. Ao fim da apuração, Garcez teve 62,84% dos votos. Foram 5.409 votos no total.
O candidato derrotou Guilherme Schinoff, que ficou em segundo lugar com 18,83% (1.621 votos).
A eleição em Tapes teve 19,26% de abstenção, 1,91% votos brancos e 1,95% votos nulos.
Garcez tem 73 anos, é divorciado, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de farmacêutico. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 2.581.146,88.
O vice é Eduardo Simchen, do DEM, que tem 51 anos.
Os dois fazem parte da coligação Pra Tapes Crescer de Novo, formada pelos partidos DEM, PRTB, PP, PTB e PSDB.
Veja o resultado após o fim da apuração:
Garcez – PP – 62,84%
Guilherme Schinoff – PDT – 18,83%
Juarez Petry – MDB – 18,33%
* Esta reportagem foi produzida de modo automático com o apoio de um sistema de inteligência artificial e foi revisada por um jornalista do G1 antes de ser publicada. Se houver novas informações relevantes, a reportagem pode ser atualizada. Saiba mais sobre o sistema de inteligência artificial usado pelo G1 em g1.com.br/eleicoes